Sobre mim

Olá! Bom ter você por aqui.

 

Eu sou Inayara Riether, mas pode chamar Naya, por ser mais prático. Sou psicóloga clínica - CRP 02/20546. Meu trabalho baseia-se num sistema de psicoterapia integrado - Terapia Cognitiva Comportamental/ Terapia do Esquema. Sou apaixonada pelo ser humano e tudo que está relacionado a ele. Buscando a inclusão também ofereço atendimento em LIBRAS (língua brasileira de sinais) e Braille. Atendendo Online e presencialmente em Recife-PE.

Sou especialista em Avaliação Psicológica e me especializando também em Sexologia e Sexualidade Humana.

Tenho formação em Terapia Cognitiva Comportamental em Depressão, Ansiedade e Autismo pelo Beck Institute na Pensilvânia, EUA.

Método de Trabalho

Minha abordagem é acima de tudo voltada para as necessidades do meus pacientes, buscando desenvolver ações voltadas para prevenção, promoção, proteção e reabilitação em saúde. Utilizo a Terapia Cognitiva Comportamental na qual é uma abordagem terapêutica estruturada, diretiva, ativa, de curta duração e orientada para o presente, direcionada para a solução de problemas atuais do paciente e suas metas.

​O maior objetivo do aconselhamento, do treinamento e da terapia é ajudar as pessoas a se tornarem mais autoconscientes.

A Terapia Cognitiva Comportamental  possui um caráter didático em que o objetivo não é unicamente ajudar o paciente com seus problemas, mas dotá-lo de um novo instrumental cognitivo e comportamental, através da prática regular, a fim de que ele possa perceber e responder ao real de forma funcional, sendo o funcional definido como aquilo que auxilia para a realização de suas metas. 

As intervenções são explícitas, envolvendo feedback recíproco entre o terapeuta e o paciente. Mostra-se eficaz para diferentes populações e tipos de transtornos.

  • Depressão

  • Ansiedade e Fobias

  • Dificuldades em relacionamentos

  • Infidelidade

  • Compulsão sexual

  • Dificuldades na autoimagem

  • Transtornos alimentares

  • Transtorno obsessivo compulsivo

  • Transtorno de estresse pós traumáutico

  • Pânico

  • Conflitos adolescentes

  • Transtorno de déficit de atenção e hiperatividade

  • Dificuldades em habilidades sociais